Páginas

terça-feira, 26 de setembro de 2017

Castigo

















Assim é o futebol e por isso ele é emocionante. O Criciúma foi superior, deu um banho de bola no Figueirense, fez 1 a 0 mas outra vez nao matou o jogo. Teve 60% de aproveitamento, 20 finalizações e o Figueirense teve uma bola e fez o gol. O Figueirense comemora, o Criciúma lamenta e se podemos dizer que existe injustiça no futebol, da pra definir assim o resultado. Uma tragedia, pelo que aconteceu no jogo. O Figueirense nao jogou. Só jogou o Tigre. Sobre o prejuízo do empate, ele se caracteriza de forma veemente, na medida que quem quer chegar a elite, nao pode ser tão inoperante dentro de casa. São apenas seis vitorias, três empates, com quatro derrotas. Dessa forma, dificilmente chega. Felizmente a campanha fora de casa vai ajudar de alguma forma e com isso, sem correr risco para o lado de baixo da tabela. A essa altura, negocio é pensar em fazer logo os 45, ou 46, para se manter na B. Para chegar ao G-4, nos 12 jogos que tem, seis em casa e seis fora, precisará ganhar nove. Nove de 12, é muito difícil. Nao impossível, mas pouco provável.

Foto: ESPN/divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário