Páginas

quarta-feira, 29 de março de 2017

Empate passou por erro da arbitragem















O empate sem gols com o Figueirense, que praticamente tira o Criciúma da briga, dependendo do andamento da rodada, passou por um erro gravíssimo da arbitragem. O assistente Eder Alexandre foi muito mal, ao anular o gol legítimo e bonito gol do Jheimy, numa noite em que a bola teimou em não entrar e quando entrou, a arbitragem anulou. Deivid foi perfeito na coletiva: ele pegou um belo gancho e o assistente Eder Alexandre vai apitar na próxima rodada. Ou seja, dois pesos e duas medidas. Um gol legal desses teria que vir uma opinião de fora, do quarto árbitro ou do gasparzinho pra fazer  valer. Manda o árbitro validar. Oque me causa espanto, é que ninguém da direção se manifesta. Parece que tudo está bem. Nos velhos tempos, um bom soco na mesa mostraria que o clube está indignado com oque está acontecendo. Criciúma está sendo prejudicado pela arbitragem, embora criou chances e pecou nas finalizações. E a lamentar, os otários que vão pro estádio pra brigar. E entre torcedores do próprio clube. Trágico, nao fosse cômico. Lamentável.


Foto: colaboração Blog do Criciúma

Nenhum comentário:

Postar um comentário